40 milhões na greve geral de 28 de abril disseram não ao governo Temer. Ocupa Brasília 24/05.